Beber até quatro vezes por semana protege de diabetes

Boa notícia para a saúde dos amantes dos vinhos. Um estudo da Universidade do Sul da Dinamarca sugere que consumir álcool durante vários dias por semana pode evitar o desenvolvimento de diabetes.

Para isso, durante cinco anos os cientistas monitoraram a saúde, a qualidade de vida e os hábitos de consumo de álcool de mais de 70 mil pessoas. O resultado foi que beber em três ou quatro dias na semana esteve associado com uma redução de 27% no risco de desenvolver diabetes em homens e 32% em mulheres se comparado às pessoas que bebem menos de uma vez por semana. Os pesquisadores descobriram que a redução de riscos foi menor quando os homens tomavam uma média de 14 drinques e as mulheres, 9 drinques por semana.

E o tipo de bebida fez toda a diferença. O vinho teve o melhor resultado porque seus compostos, como polifenóis estimulam o equilíbrio dos níveis de açúcar. Homens e mulheres que tomaram mais de sete taças por semana tiveram 30% menos risco de desenvolver a doença se comparados com os que bebiam menos de uma vez em sete dias.

E pior que não auxiliar a diminuir a propensão à doença é aumentá-la, como é o caso do gin e de outros destilados na saúde feminina. A associação entre álcool e aparecimento de diabetes aumentou 83% nas mulheres que tomavam este tipo de bebida com frequência. No entanto, não foi possível notar nenhuma alteração nos níveis glicêmicos de homens que consomem destilados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *